quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Saúde da mamãe - Dentes


SÃO PAULO (ABN NEWS) - Durante a gravidez, há uma série de alterações no organismo da mulher que, associadas a algumas mudanças nos hábitos de vida, podem levar ao aparecimento ou piora de problemas dentários como cáries e gengivites. Entre estas alterações podemos citar:

- Aumento da acidez da cavidade oral;

- Alteração do hábito da gestante que passa a se alimentar com maior freqüência;

- Maior consumo de doces;

- Diminuição dos cuidados com a higiene oral, principalmente antes e depois do parto, quando a atenção da mãe está mais voltada para os cuidados com a saúde do bebê.

O que faço para evitar problemas dentários na gravidez?

Os mesmos cuidados fora da gravidez devem ser feitos durante a mesma, porém redobrados. Assim, devemos:

Evitar o "comer fora de hora";

Evitar o consumo excessivo de doces. Se for impossível, procurar ingeri-los somente logo após as refeições;

Escovar religiosamente os dentes e passar fio dental após as refeições;

Visite seu dentista pelo menos uma vez durante a gravidez. Ele poderá orientá-la melhor quanto a algumas medidas preventivas como o uso de flúor.

Posso tratar meus dentes durante a gravidez?

O ideal é realizar qualquer tratamento dentário antes da gravidez, mas caso haja necessidade, a melhor época para tal é o 2º trimestre (entre o 4º e o 6º mês). No 1º trimestre deve-se evitar o uso de medicamentos, pois o bebê ainda está se formando, e no 3º a mãe já está numa fase de ansiedade maior devido à proximidade do parto.

Posso tirar radiografias odontológicas durante a gravidez?

As radiografias auxiliam o dentista a detectar cáries ou outros diagnósticos mais complicados e, dependendo da necessidade, podem ser feitas. O seu dentista saberá a melhor hora de fazê-las (ou não fazê-las) e a importância das mesmas. Vale lembrar que o raio-X não estará direcionado à sua barriga, mas mesmo assim, deve-se sempre usar um colete de chumbo para proteger você e seu bebê.

Sangramento na gengiva pode estar associado a diabetes gestacional?

Segundo estudo norte-americano, mulheres com sangramentos na gengiva concentravam níveis de glicose no sangue maiores que pacientes saudáveis. Confira dicas para minimizar o problema

Durante a gravidez, temas como alimentação correta, descanso e um estilo de vida mais tranquilo estão entre as prioridades da futura mãe. Agora, outro tema que deverá figurar entre essas prioridades é a saúde bucal.

Pesquisadores da Universidade de Nova York descobriram existir maior propensão de desenvolvimento de diabetes gestacional entre as mulheres que sofrem de doenças periodontais, como sangramentos na gengiva. Eles notaram que essas pacientes concentravam grande quantidade de glicose no sangue.

A descoberta reforça a importância de se procurar um dentista antes de engravidar. Mas se você está grávida e sofre com sangramentos com frequência, procure seu obstetra. Opte por escovas de dente com cerdas macias e tenha bastante cuidado na escovação. Durante a gestação, segundo explica Eduardo Cordioli, obstetra do Hospital Albert Einstein (SP), a mulher tende a acumular mais líquidos, o que favorece a formação de edemas, desencadeando os sangramentos.

Além disso, se você cuidar melhor da alimentação o problema pode ser minimizado. Evite doces e carboidratos (massas, por exemplo) e prefira alimentos ricos em proteína e fibras. Mas se os sangramentos persistirem, não deixe de consultar o médico: talvez seja hora de se submeter ao tratamento com insulina, e isso só pode ser confirmado após uma visita ao consultório.


Fonte: ABN

2 comentários:

Jake disse...

ai que legal isso.
nem sabia que mamaes poderiam ter possiveis doenças na dentição
agora to sabendo =)
bjos linda

♥ Mamãe Coragem e seu trio ♥ disse...

Nossa eu ando em falta com o dentista. CREDO! faz uns 03 anos que não vou.
beijos querida, obrigada pelas informações.